Saúde e Curas Pela Natureza

veja 10 benefícios desse vegetal que não é nada “sem graça”

veja 10 benefícios desse vegetal que não é nada "sem graça"

(texto)

Foto: iStock

Apesar de ser conhecido como um vegetal que não tem muito gosto, o chuchu é um alimento rico em nutrientes e com inúmeros benefícios para a saúde. Com sabor suave, este alimento pode ser degustado sozinho, ou se tornar um bom acompanhamento para outros ingredientes e receitas.

Vegetal da categoria dos frutos, o chuchu também pode ser conhecido como machucho, caiota ou pimpinela. Com origem em países centrais como Costa Rica e Panamá, possui cultivo fácil, podendo crescer em qualquer lugar. Considerado uma opção versátil, pode ser preparado de inúmeras maneiras.

12 benefícios do chuchu para a saúde

Foto: iStock

Possuindo fácil acesso e preço baixo, este vegetal garante muitos benefícios a saúde se consumido regularmente. Confira alguns deles conforme as informações da nutricionista Andrea Marim:

1. Atua na prevenção de doenças ósseas: “este fato se dá devido a presença dos seguintes minerais: cálcio, magnésio e fósforo, os quais agem fortalecendo dentes e ossos”, revela.

2. Ajuda no combate da fadiga e depressão: segundo a nutricionista, o chuchu é rico em vitaminas do complexo B, as quais estimulam o metabolismo, agindo no combate da fadiga e depressão.

Leia também: 30 receitas de conserva para guardar os alimentos por mais tempo

3. Combate o envelhecimento precoce: este vegetal possui grande quantidade de antioxidantes, como flavonoides, polifenólicos, luteolina e apigenina, os quais atuam no combate dos radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento das células.

4. Fortalece o sistema imunológico: “como este fruto possui zinco e vitamina C, ele possui ação coadjuvante no fortalecimento do sistema imunológico, ajudando a prevenir doenças”, explica Andrea.

5. Melhora a saúde da pele e cabelos: esta ação se dá pela presença de folato fólico, zinco e vitaminas C e E, as quais agem no combate dos radicais livres evitando o envelhecimento e pele e cabelos, além de controlar a oleosidade da pele e garantir firmeza e elasticidade à mesma.

6. Ótima fonte de energia: “como este fruto contém manganês, esta substância ajuda na conversão de gorduras e proteínas em energia, garantindo maior disposição e combatendo a fadiga.

7. Auxilia no emagrecimento: de acordo com a profissional, este vegetal possui poucas calorias, além de apresentar altas doses de fibras dietéticas que garantem a sensação de saciedade por mais tempo.

Leia também: Como escolher boas frutas, legumes e verduras na hora da compra

8. Ajuda no combate ao colesterol ruim: este feito é representado pela alta quantidade de fibras solúveis, substâncias que ajudam no combate do colesterol ruim (LDL).

9. Combate o câncer: como o chuchu é rico em antioxidantes, ele ajuda no combate aos radicais livres, substâncias responsáveis por doenças como o câncer.

10. Coadjuvante no tratamento da hipertensão: por ser rico em potássio, este alimento ajuda no equilíbrio da pressão arterial, estabilizando a quantidade de sódio presente na corrente sanguínea.

11. Atua no combate a anemias: o chuchu possui altas doses de ferro e vitamina B2, componentes conhecidos por estimular a produção de glóbulos vermelhos.

12. Combate a constipação: este fruto é rico em fibras, por isso ajuda na melhor digestão dos alimentos, além de evitar flatulências ou constipação.

Leia também: Feira: consiga os melhores alimentos e preços na época certa

Por ser um alimento rico em nutrientes e sais minerais, ao adicionar o chuchu à rotina alimentar, é possível conquistar estes e muitos outros benefícios para a saúde. Sinta seus benefícios na pele!

Valor nutricional do chuchu

Alimento rico em água, o chuchu possui outros dados animadores para estimular o seu consumo. Confira suas propriedades nutricionais a cada 100 gramas deste fruto de acordo com a nutricionista Andrea:

  • 24 calorias
  • Fibras: 2,80 g
  • Carboidrato: 5,09 g
  • Proteínas: 0,62 g
  • Lipídeos totais: 0,48 g
  • Açúcar total: 1,97 g
  • Ferro: 0,22 mg
  • Cálcio: 13 mg
  • Potássio: 173 mg

Além destes indicativos, a nutricionista ainda destaca que o chuchu possui “grande quantidade de fibras dietéticas, promovendo saciedade e favorecendo o emagrecimento, além de contribuir para um bom funcionamento do intestino e controlar os níveis de açúcar no sangue, mantendo o coração saudável”, adiciona.

Receitas com chuchu que provam a versatilidade deste ingrediente

Foto: Reprodução / A Casa Encantada

Como possui um sabor neutro, o chuchu se torna ingrediente versátil, podendo ser utilizado com outros alimentos sem alterar o sabor da receita. Confira algumas receitas e escolha sua opção de consumo favorita:

1. Suflê de chuchu: quem disse que não é possível fazer um prato com ares gourmet com este simpático fruto? Aqui o chuchu é acompanhado de queijo mussarela e presunto picados. Para agregar todos os ingredientes, utilize claras em neve.

Leia também: Maxixe ajuda a fortalecer o sistema imunológico e tem poder antioxidante

2. Chuchu recheado com carne moída: nesta receita o chuchu é utilizado como uma espécie de barquinha para receber o recheio feito com carne moída refogada com cebola, alho, cenoura ralada, tomate e cheiro verde. Para finalizar, creme de ricota e parmesão ralado.

3. Chuchu ao alho e óleo: utilizando sua versão mini, aqui o chuchu é o prato principal. Para preparar esta receita, basta tirar sua casca, cortá-lo em quatro e retirar suas sementes. Antes de refogar o fruto no azeite e alho, é importante cozinhá-lo em água fervente e sal.

4. Chuchu com ovo: outro belo exemplo de receita simples e fácil, onde o chuchu é o destaque. Nesta versão, o chuchu deve ser cozido em uma panela com cebola e alho refogados no azeite. O truque é adicionar água aos poucos, garantindo seu cozimento uniforme. Por fim, adicione o ovo e mexa bem, finalizando com sal e pimenta-do-reino.

5. Chuchu refogado na manteiga: esta receita utiliza alho-poró para acompanhar o chuchu descascado e fatiado em meia-lua. O sabor extra é garantido pela cebola dourada na manteiga, além do uso das ervas de Provença.

Foto: Reprodução / Veganana

6. Salada de chuchu com tomatinho cereja : outro exemplo da versatilidade deste fruto, aqui o chuchu é servido como salada. Depois de cozido ele é temperado juntamente com o tomate cereja e a cebola, utilizando limão, cebolinha, salsinha, sal, pimenta-do-reino e azeite.

7. Gratinado de chuchu com presunto: solução prática para um almoço de domingo, este prato pode ser preparado no dia anterior e deixado na geladeira até o momento de ser levado ao forno. Além do chuchu e do presunto, o molho é um elemento de destaque do prato, elaborado com manteiga, farinha de trigo, leite quente, sal, creme de leite e queijo parmesão ralado.

8. Salada de chuchu com maionese vegana: uma boa opção vegana de maionese, rica em nutrientes. Aqui as batatas são substituídas por chuchu cozido, incrementando o valor nutricional do prato. O tempero fica por conta do vinagre de maçã, cebola, sal, pimenta, salsinha, cebolinha e pimentão vermelho.

9. Bolo de chuchu: deliciosa alternativa para um jantar, este bolo salgado feito com chuchu surpreende pelo sabor. Ótima opção para ser servida como acompanhamento para carnes, este bolo utiliza em seu preparo ingredientes como pão de forma, leite em pó, clara em neve e queijo parmesão.

10. Brigadeiro de chuchu: uma ótima forma de garantir mais nutrientes para o tradicional docinho de festa, este brigadeiro leva chuchu cozido em seu preparo. Aqui, o ingrediente irá auxiliar na construção da textura do doce. Nesta receita o leite condensado é substituído por leite em pó, amido de milho e gema de ovo.

Apesar de ser uma ótima opção de acompanhamento, é possível degustá-lo sozinho, em versões refogadas ou como elemento destaque do prato. Prove e comprove todo o seu sabor!

Contraindicações e alertas sobre o seu consumo

A nutricionista revela que não há contraindicações em seu consumo, salvo para “pessoas que possuam alergia específica para este alimento”, orienta. Além disso, a profissional alerta para seu consumo em pessoas com desordens gastrointestinais, “já que este é rico em fibras, podendo causar diarreia”.

Apesar de ser conhecido como um alimento “sem sabor”, o chuchu demonstra toda a sua versatilidade, podendo incrementar pratos ou ser o destaque do banquete. Rico em nutrientes e sais mineiras, é uma boa alternativa para quem busca uma boa saúde e melhora do bem-estar. Adicione já este fruto a sua rotina!

(texto)
Fonte/Autor do Conteúdo Postado

Comente com seu Facebook

Deixe um Comentário